Buscar

Ruído de Manhã


Pessoa embaixo de edredon, a mostra apenas o braço

O sol ainda nem surgiu direito, mas o ruído já pode ser ouvido. É preciso começar cedo, o serviço precisa render. Muitas pessoas ainda estão deitadas, tentando dormir. Com o ruído, é quase impossível mergulhar no sono àquela hora da manhã.


Lembro, que na minha infância, o ruído era ali no quintal mesmo. A máquina de cortar piso trabalhava furiosamente durante o fim de semana. Era a preparação do novo lar. Meu pai só tinha o sábado e o domingo para trabalhar na nova casa. O ruído era o despertador. Indicava que a hora de levantar tinha chegado.


Muitas pessoas reclamam. Acham cedo demais para ligar a máquina. Talvez seja verdade. Mas quantos pais de família só tem o fim de semana para preparar o novo lar? Se esperar o sol esquentar, talvez nem sobra tempo para adiantar a construção. E tempo, é algo que quase não temos, então tem que começar cedo mesmo.


Em todas as cidade e bairros, o ruído da máquina de cortar piso, pode ser ouvido durante as manhãs. O ruído se tornou um símbolo de pais, que através do trabalho de pedreiro, levam o sustento para dentro de casa.


Nem todo herói veste capa e possui filme. Os verdadeiros heróis, estão espalhados nos bairros, fazendo barulhos e ajudando a despertar uma cidade ainda adormecida. Em terra de pancadões, eu diria que o ruído da máquina de cortar piso, é uma verdadeira música para os meus ouvidos.

Abraço a todos os pais!




 

Obrigado pela companhia :)

Se gostou, continue no blog e leia outras crônicas

Ah!!! Deixe seu like, assim vou saber que gostou. Se não quiser perder as atualizações deixe seu e-mail no fim da página.

Até breve,

Vander Christian

















#crônicas #crônica #relatos #cotidiano #ruido #cedo #trabalho #pais #herois

3 comentários

Posts recentes

Ver tudo
Coloque o seu email abaixo e receba gratuitamente as atualizações do blog!

Obrigado pelo envio, agora você receberá um email sempre que tiver texto novo no blog