Buscar

Criadores de Selva


Dizem que as cidades grandes são uma verdadeira selva. De certa forma, é verdade. Disputamos tudo: espaço, melhor preço, melhor atração, lugar na fila... Disputamos uma infinidade de coisas; uma verdadeira selva, e as batalhas para sairmos vitoriosos são infinitas!

Contudo, o interior, famoso por ser um lugar tranquilo, pode se revelar uma selva ainda mais perigosa, repleta de armadilhas. A tranquilidade existe, é verdade, mas isso não significa que lá as pessoas são bobas. Assim como nas grandes cidades, existem pessoas antenadas em tudo.

Tenho um amigo que se acha muito esperto, vive na cidade grande, diz que ninguém lhe passa a perna. Outro dia, resolveu ir para o interior, na casa de um parente. Foi sem grana, disse que ia curtir o feriado sem precisar gastar nenhum centavo, tudo de graça!

— No interior o pessoal não tem malícia. Vou comer, beber, passear, sem precisar tirar a carteira do bolso, você vai ver!

Confesso que fiquei curioso. Como ele ia conseguir fazer aquilo?

Não conseguiu. O parente dele acabou descobrindo, não o deixou voltar. O feriado já tinha acabado fazia uns dias, quando o meu amigo retornou, exibindo umas manchas vermelhas na pele. Perguntei o que tinha acontecido. Descobri que ele, para conseguir o dinheiro da passagem de volta, teve que podar eucalipto para um tio.

— Não parece que foi tão ruim.

— Não mesmo. Exceto pela quantidade de marimbondos que adoram fazer casas nos pés de eucaliptos.

Pronto. Estava explicado as manchas vermelhas na pele do meu amigo. Mas também o que ele queria? Que o tio dele pagasse a passagem de volta numa boa?

Então, descobri que a selva existe, por conta das pessoas, que assim como o meu amigo, tentam sempre levar vantagens em alguma coisa. Na verdade, não precisamos disputar nada, desde que o ser humano não crie a sua própria selva. Isso é difícil, uma vez que vivemos como um leão na selva que nós mesmo criamos.

0 comentário